A lipoaspiração é um procedimento procurado por muitas pessoas que não conseguem eliminar as gorduras localizadas. Acontece que, ao pesquisar sobre o assunto, a internet oferece uma infinidade de informações nem sempre verdadeiras. A equipe do Dr. José Cabral separou neste artigo 6 mitos e verdades sobre lipoaspiração.

É a sua oportunidade de esclarecer dúvidas que muitas vezes tiram a sua coragem de realizar o procedimento. Acompanhe!

Mitos e verdades sobre lipoaspiração

1. Lipoaspiração é um procedimento muito perigoso

MITO. Os riscos envolvidos em um procedimento como esse são os mesmos de qualquer outro procedimento de mesmo porte. O que acontece é que, em muitos casos, a cirurgia é feita em pacientes que não estão em condições ideais. 

Às vezes, com expressivo excesso de peso, problemas de saúde pré-existentes, entre outros. Além disso, em locais sem as condições mínimas de higienização e preparo, ou por profissionais sem habilitação na área.

Muitas vezes, os pacientes são atraídos pelo preço baixo e promessas milagrosas. O resultado são complicações que poderiam ter sido evitadas em uma clínica de referência e profissionais qualificados. 

2. Lipoaspiração não é lipoescultura

VERDADE. Apesar dos dois termos serem parecidos, tratam-se de procedimentos diferentes. Na lipoaspiração, são retiradas o excesso de gorduras localizadas, enquanto que na lipoescultura, aproveita-se o material para enxertar em outras áreas do corpo. 

O principal objetivo desta última é corrigir depressões, fazer preenchimentos, melhorar curvas, aumentar tamanhos, entre outros. 

Não deixe de conferir:

Cuidados no Pós Operatório durante o isolamento social. Veja

Procedimentos cirúrgicos de beleza: como escolher o profissional certo

3. A lipoaspiração é indicada para quem quer emagrecer

MITO. A cirurgia não é recomendada para esse fim, mas sim para corrigir pequenas imperfeições que incomodam a pessoa. A lipoaspiração nada mais é do que um procedimento que visa principalmente melhorar contornos.

É claro que pode-se perder peso, visto que são retiradas matérias gordurosas do corpo. Em aspectos visuais, ela melhora o contorno e pode, sim, proporcionar a sensação de emagrecimento. 

Antes de realizar o procedimento, é importante que o paciente esteja em boas condições de saúde e ter esclarecida questões que envolvem o objetivo da lipoaspiração. Consulte seu médico e converse sobre o assunto para não criar expectativas irreais sobre o procedimento. 

4. O pós-operatório é tranquilo

VERDADE. A cirurgia é como qualquer outra, requer cuidados em todas as etapas, do pré ao pós-operatório. É claro que a recuperação pode trazer incômodos e desconfortos, mas são absolutamente normais nesse tipo de procedimento. 

Isso pode ser gradualmente minimizado com drenagens linfáticas, uso de cintas modeladoras e medicamentos. Porém, os hábitos do pacientes é que vão ajudar na rapidez da recuperação.

Se forem seguidas todas as orientações médicas em relação à cirurgia, o paciente tem grandes chances de sucesso. 

5. O resultado é permanente

MITO. Infelizmente, a verdade é que a região tratada pode voltar a ser como era antes. Mas calma! Isso vai depender dos seus hábitos alimentares e cuidados gerais com o corpo. 

O importante é que você procure um profissional que o ajude a manter os resultados por mais tempo. Isso é possível com uma alimentação controlada, ingestão de valores nutricionais e, claro, com atividades físicas. 

Um nutricionista ou nutrólogo pode cuidar da parte alimentar e um educador físico do condicionamento corporal. Vale a pena investir em uma vida saudável!

6. Os custos de uma cirurgia pode variar

VERDADE. Como já dissemos, para realizar uma lipoaspiração de forma segura, você precisa ir a uma clínica especializada. O ambiente hospitalar deve apresentar as condições seguranças para a cirurgia e reunir os profissionais certos para ela. Isso, claro, requer um custo de investimento maior. 

O preço médio da lipoaspiração pode variar dependendo das acomodações hospitalares, do médico, da área do corpo a ser lipoaspirada, além da equipe médica de anestesistas e auxiliares.

Outro ponto que precisa ser explicado é quanto ao orçamento. Ele é sempre feito após a consulta médica, para avaliar a região do corpo e os detalhes da cirurgia. 

Caso o local não esteja de acordo com as condições ideias para o procedimento, desconfie. Para a sua segurança, verifique sempre se o médico é cirurgião plástico e se ele é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).  

Somente assim o seu procedimento poderá ser feito com a máxima segurança. 

Gostou deste conteúdo? Agora que você já conhece os mitos e verdades sobre a lipoaspiração, procure um profissional renomado no mercado. A Clínica Dr. José Cabral é referência em cirurgias plásticas de pequena, média e alta complexidade. Clique aqui e agende a sua consulta! 

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *